sexta-feira, dezembro 03, 2010

Cá em casa também neva...


O nosso calendário hoje propunha a realização de flocos de neve de papel para colar numa das janelas de casa.

A singularidade dos flocos de neve fascinam-me. Eu sei que a Micas tem razão e que o mesmo acontece com os desenhos das asas das borboletas, as riscas das zebras e por aí fora... mas é como eu lhe respondia... não haver um floco de neve igual a outro enquanto cai um nevão é mais uma prova de como, na vida real, a matemática, apesar da sua famosa infinitude, nunca conseguirá ter números suficientes para colmatar a criatividade que a natureza alcança...

Adiante. Hoje descobri que recortar flocos de neve em papel é altamente relaxante. No início do processo houve alguma frustração porque era difícil à Alice cortar em papel muito dobrado... ficou cansada, mesmo quando lhe arranjei guardanapos... sem insistir, continuei o processo e cativei o pai a vir também experimentar. Ela, seduzida, voltou e acabou por conseguir.
A parte melhor foi providenciar o resultado final:



Rita

2 comentários:

Joana disse...

Ficou espectacular!!! Bjs

IsabelCunha disse...

Ficou lindo! Já agora, colaram com quê?
bjs